domingo, 18 de agosto de 2013

Capitulo 11 - Segunda Temporada!!

Hey, galera!! Eu ia fazer de tudo pra postar semana passada mesmo o capitulo, mas o TCA consumiu todo o meu tempo de escrever, quem acompanhou sabe do que eu to falando, foi SEM DUVIDA, o melhor TCA de todos! Nick e Demi tocando MITUSA juntos, tirando fotos, Joe conversando com ela, Nick e ela se abraçando quando ela ganhou, fazendo Hi5 com o Joe, os videos que saíram depois dela falando com o Kevin e a Dani, depois a Miley falando com eles e sorrindo toda linda quando falou com o Nick, abraçando o Kevin e a Dani e o Nick que nem um idiota sem conseguir parar de olhar pra ela... E porque ele ta com a Miss Universo! Imagina se não tivesse? kkkkk' Mas, tudo bem, aqui ta o capitulo! Achei ele meio sem graça, não tava muito inspirada, mas aqui está! :)
Espero que gostem!! *3*
P.S Pra quem não sabe, todos os momentos Jemi foram inspirados em fatos reais, apesar do Joe e da Demi não terem tirado fotos juntos durante o festival Wango Tango, eles estavam lá e essa foto aqui em baixo é a desse dia (Amo o Joe babando vendo ela! kkkkk') E ele disse no dia sobre ela "Demi killed it" Que quer dizer algo com matou, detonou, arrasou...
------------------------------------------------------------------------
# Miley Cyrus On #
Eu estava sentindo como uma colica angustiante, muito forte, na minha frente, o Nick parecia não ter reação, está perdido. Eu estava começando a me desesperar ao sentir o sangue caindo pelas minhas pernas
-Nick!- Arfei- Precisamos... Precisamos ir pra um hospital!- Falei com dificuldade, e só então Nick pareceu despertar. Ele me pegou no colo rapidamente e me levou até o carro dele, que era o mais próximos de onde estávamos. Ele me colocou mo banco do carona, deu a volta, e então entrou, dando a partida e saindo cantando pneu de onde estávamos
-Você ta bem?- Ele perguntou enquanto dirigia
-Eu to morrendo de dor, sangrando e assustada, então, sim, estou ótima!- Falei sarcástica. Sabia que ele só estava preocupado, mas sempre quando fico nervosa acabo falando o que não devo, sem medir as palavras, ainda bem que o Nick sabia disso, então não brigou comigo. Tivemos sorte de ter um hospital perto de onde estávamos, quando chegamos Nick estacionou na frente e me pegou no colo de novo, entrando comigo no hospital, eu já estava suando de tanta dor, mas eu não queria perder meu filho, não agora que tudo estava dando tão certo. Uns enfermeiros me atenderam e me levaram até uma sala para esperar a medica que já estava vindo, saindo de um parto, perguntei desesperada o que estava acontecendo e eles apenas responderam que era pra eu ficar calma para não complicar mais e que a medica já estava vindo
# Nick Jonas On #
Depois de um tempo me deixaram entrar no quarto onde a Miley estava, já havia ligado pra casa e dito o que havia acontecido, minha mãe disse que logo chegaria, mas minha cabeça estava perdida, só pensando no que podia está acontecendo. Entrei no quarto em que Miley estava com a medica, desde que vi que ela estava sangrando, era como se eu tivesse perdido o chão e quase entrei em choque sem saber o que fazer
-Bem...- A medica começou enquanto me sentava em uma cadeira perto da Miley- O que aconteceu foi que a senhorita Miley teve um sangramento causado por um sintoma de aborto espontâneo- Senti Miley pegar minha mão que estava apoiada na cama onde ela estava, apertando-a- Ocorre aborto espontâneo com muito mais frequência do que se imagina, mas não sem um motivo exato, pode ser por problemas no útero, presença de certas infecções, hábito de fumar, beber, consumir drogas entre outras coisas...- Miley apertou mais forte minha mão e eu senti um nó na garganta- Aconselho que procurem o médico que está fazendo o pré-natal e falem sobre isso, ele vai saber melhor do que eu as medida que deverão tomar, por hoje, aconselho que fique de repouso o máximo possível!- Ela concluiu dando um sorriso
-Obrigado, doutora- Agradeci e ela se retirou, eu e Miley ficamos em silêncio alguns segundos, cada um com seus pensamentos e preocupações. Como uma noite que estava tão boa pôde ficar desse jeito?- Você continuou fumando ou usando alguma porcaria dessas depois que eu disse que era melhor você parar?- Perguntei, sem encara-la, e recolhendo minha mão
# Miley Cyrus On #
Me assustei um pouco ao ouvir a voz do Nick no meio do nosso silêncio, então o encarei, mas ele não me olhava
-Não- Respondi, mas ele me impediu de falar mais
-Não minta pra mim, ok?- Ele me olhou, e parecia com raiva
-Eu disse que não fumei, então eu não fumei!- Falei, me exaltando e ele se levantou, andando pelo quarto
-Eu só não entendo o que causou isso!- Ele parecia frustado, passando as mãos pelos cabelos
-Eu parei com isso faz o que? Uma, duas semanas?- Perguntei, mas não esperei a resposta- Eu não sabia que estava grávida, então eu nem ligava, e você sabe que eu fumava quase um maço por dia, mas você não pode por a culpa em mim, se eu soubesse teria parado antes!-Falei, praticamente gritando. A verdade é que, sim, eu me sentia culpada, culpada porque nunca liguei muito para minha saúde, fumava, bebia, até drogas já usei, mas agora era diferente, eu tinha um ser crescendo dentro de mim
-Ok, ok! Vamos nos acalmar, a medica disse que era pra você ficar de repouso...- Ele se acalmou, voltando a se sentar do meu lado- Mas, quero que fique de repouso de verdade, Miley! Nada de passar o dia todo no estúdio sem comer direito ou ficar dançando twerk por ai!- Dei um meio sorriso com o final. Eu estava muito animada com o cd, mas também estava preocupada com meu filho, conseguiria conciliar os dois! Mas, não queria discutir mais, então dei a resposta que Nick queria ouvir
-Tudo bem, noivinho!- Ele sorriu e me deu um selinho, logo ouvimos a porta abrindo apressadamente e Denise entrar afobada por ela, perguntando desesperada o que tinha acontecido. Seria uma longa noite.
# Joe Jonas On #
# No mesmo dia, em outro lugar - 20:39 #
Veio um convite de ultima hora pra que os Jonas fossem assistir um festival que a radio Kiss 102 estava promovendo, Wango Tango, então, como o Kevin estava com a Dani e Nick tinha sumido junto com a Miley, me arrumei e fui sozinho. Quando cheguei lá tive que passar pelo red carpet, ou melhor, orange carpet, onde os fotógrafos tiraram diversas fotos minha. Vi ao longe que Ryan Seacrest, um apresentado ao qual eu e meus irmãos já demos várias entrevistas, estava vindo até o meu lado, no tapete, mas sua visão não estava direcionada a mim, e sim a algo atrás de mim, me virei pra ver se via o que era, então minha visão foi de encontro com ela, Demi Lovato. Ela estava deslumbrante, tenho que admitir, com um tope rendado coberto por uma camisa grande praticamente transparente, calça apertada preta e salto, totalmente sexy. Me arrependi pelo pensamento, o que eu estava fazendo? Tinha que tira-la da minha cabeça!
-Joe! Como vai!- Ryan falou comigo, apertando minha mão
-Ótimo! E você?- Perguntei de volta, dava pra sentir os flashes das câmeras ainda sobre nós
-Muito bem!- Ele respondeu- Demi! Venha aqui!- Ele falou mas alto, chamando Demi, que estava mais adiante, então ela, que ainda não havia nos visto, olhou para onde estávamos, então nossos olhares se encontraram por alguns segundos, até ela morder o lábio inferior e se aproximar de nós
-Hey! Que bom ver vocês?- Ela deu um leve sorriso enquanto abraçava o Ryan, logo depois vindo me abraçar. Estávamos cercado de fotógrafos, não dava pra ela me tratar mau aqui.
-Vamos marcar isso com fotos!- Ele disse animado e eu e Demi sorrimos sem graça. Não queríamos tirar fotos juntos, isso era claro, mas não podíamos simplesmente dizer não, pois, para a mídia, tínhamos terminado de um modo amigável e estávamos bem um com o outro. Demi ficou entre nós e parecia que os flashes haviam triplicado, várias pessoas faziam perguntas, especialmente pra mim e pra Demi, sobre nós e nossa separação, e eu sentia que ela estava rígida e desconfortável, tanto quanto eu- Tenho que ir indo, vejo vocês depois!- Ryan falou, para logo depois sair de perto de nós, deixando eu e Demi sem saber como reagir
-Acho que o Ryan planejou isso!- Ela falou, um tanto divertida, revirando os olhos, logo depois entendi. Ryan sempre quis que eu e Demi ficássemos juntos
-Com certeza foi!- Eu disse, logo depois rindo, tiramos só mais algumas fotos depois disso, até que Demi se despediu e foi embora. Ela estava esquisita, amigável, até. Um cara da produção me chamou para me levar ao meu lugar e eu fui, era uma área suspensa de frente ao palco, onde eu poderia ver todo o show, e era também onde o apresentador do festival ficava, me sentei no sofá que tinha ali e vi os shows passarem, até que apresentador chamou por um nome já tão conhecido meu, Demi. Ela foi incrível, o modo como ela cantava, andava e sorria pro publico, era maravilhoso. Ela tinha soltado o cabelo e colocado botas sem salto, mas conseguia ficar tão bonita quanto antes, e isso me irritava. Parecia que tudo da Demi era feito exatamente como uma droga especialmente para que eu me viciasse cada vez mais. No final do show o apresentador veio até mim e me perguntou o que eu havia achado da apresentação da Demi, não sabia o que responder, então falei a primeira coisa que me veio a cabeça, algo que eu sempre falava pra ela depois de apresentações ou shows- Demi matou isso!
# Demi Lovato On #
Meu coração quase saiu pela boca ao ver que Joe estava lá, eu não podia simplesmente ignora-lo pois todos viram que eu havia o visto, além do mais, eu estava cansada disso, cansada de brigar com o Joe o tempo todo, eu não iria perdoa-lo, de forma alguma, mas eu não queria discutir o tempo todo, então fui até ele e Ryan e posei pra fotos junto com eles. Quando os fotógrafos começaram a perguntar sobre nós, foi como se eu tivesse levado um soco no estômago, eu queria esquecer tudo isso, mas a dor parecia voltar na mesma intensidade quando falavam sobre esse assunto. Quando Ryan foi embora, me subiu um frio na espinha, eu não queria ficar ali só com o Joe, então, como eu sempre fazia quando ficava nervosa, soltei uma piada, tirei fotos, e sai dali o mais rápido que pude, logo depois indo pro meu camarim me arrumar, na hora de me apresentar, meus olhos pararam exatamente sobre ele, ali, na área mais alta, olhando pra mim, e isso me tirou do eixo, tentei me concentrar só na música e na apresentação, mas, por muitas vezes meus olhos se desviavam pra onde ele estava. Porque? Porque eu tinha que ser tão idiota a esse ponto? Eu deveria ser masoquista mesmo. Dei graças a Deus quando o show acabou e saí do palco rapidamente, antes que pudesse me afastar muito, ouvi a voz de Joe pelas caixas de som espalhadas por todo lugar: "Demi matou isso". Sorri involuntariamente. Para logo depois fazer meu sorriso desaparecer lentamente
# Flash Back On #
Eu e o Joe estávamos prestes a nos apresentar no American Idol. Nessa época, eu e Joe tínhamos acabado de começar a namorar e logo assumiríamos isso pra mídia. Eu estava tão feliz, era como se um turbilhão de todas as emoções que eu havia guardado a tanto tempo estivessem explodindo, era tudo que eu sempre quis e ali estávamos nós!. Ele estava do meu lado, conversando qualquer coisa com o Big Rob, e eu só conseguia olhar pra ele de vez em quando e sorrir, eu me sentia uma imbecil, mas eu não podia controlar. Logo nos avisaram que iriamos entrar, então nos preparamos, eu sempre ficava nervosa antes de qualquer apresentação, ainda mais uma apresentação com o Joe. Senti algo tocar minha mão e me puxar, antes que eu pudesse distinguir o que era senti os lábios dele prensarem-se nos meus, em um leve selinho
-Vamos detonar!- Ele sorriu e eu sorri de volta. Como ele disse, realmente detonamos, foi tudo perfeito, apesar de eu quase ter cantando uma das frases dele, mas não teve problema, ele me olhava o tempo todo e isso me passava muita confiança, conforto. Quando a câmera se afastou de nós, ele mexeu os lábios, falando algo como "Você matou isso" e eu apenas sorri de volta já que a câmera havia voltado a dar close em nós. Eu queria me sentir assim o tempo todo, como se tudo que eu fizesse fosse o certo e como se eu sempre tivesse alguém, o Joe, pra poder me apoiar e está do meu lado, me dá força. Eu o amava tanto, e finalmente eu sabia que ele me amava também
# Flash Back Off #
Pena que esse sentimento não durou nem por quatro meses. Ele sempre tinha que me machucar, e eu, como uma idiota, deixava. E era isso que mais doía.

8 comentários:

  1. UAU
    Voce matou isso haha
    Demais , quero mais momentos Jemi
    Sou Jemi shipper de carterinha hehe
    o TCA foi o MELHOR DE TODOS com toda certeza
    Uma vez vi voce falando que pensava em fazer uma fanfic Nemi e se voce for mesmo considerar isso...
    ME CHAME
    Mal posso esperar pelo próximo capitulo
    Poste logo
    BJonas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkkk' <3 Acabei de postar capitulo novo, e tem momento Jemi... Mais ou menos! kkkk'
      Tenho várias ideias pra Fics Nemi, pode deixar que se eu fizer, vou avisar com certeza!!
      Bjss *3*

      Excluir
  2. Esta perfeito!!!
    Posta logooo!!
    Bjos!!

    ResponderExcluir
  3. REALMENTE FOI O MELHOR TCA DE TODOS!
    Estou super ansiosa! Sei que Nick é calmo, mas esperava que ele fosse dar um baita esporro nela e ela querendo ou não, merecia o esporro.
    Enfim! AMEI!
    POSTA LOGO

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Neh!!! kkk'
      Não se preocupe que o que é da Miley ta guardado! kkkk' (Sou cruel u.u) kk'
      Acabei de postar!!
      Bjss *3*

      Excluir
  4. Aaah não acredito que ela perdeu o bebê! D: Ai que triste! Gi, bota esses Niley para se acasalarem por uma semana u.u Agora eu que quero o bebê! Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    O Tca foi ótimo mesmo. Agora só faltava um Send it on só pra reforçar a nostalgia e ficar perfeito de vez! Hahaha ♥
    Posta logo!
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkkkk' Eles vão ter o bebê, mas vai ser complicado pra eles!! kkk'
      Neh!! EU vi um monte de gente no twitter falando que as outras premiações só podiam ganhar o TCA se tivesse todos eles juntos cantando Send It On com os Jonas sem camisa! kkkk'
      Acabei de postar!! Bjss *3*

      Excluir